Blog do Leonardo Alves - Compromisso com o Leitor!

Ministro da Educação comete erro crasso de português

O ministro da Educação, Mendonça Filho, fala com jornalistas após encontro com a presidente do Supremo Tribunal Federal, Cármen Lúcia - 12/01/2017

O ministro da Educação, Mendonça Filho

O ministro da Educação, Mendonça Filho Durante entrevista ao vivo para GloboNews na última quinta-feira, o ministro da Educação, Mendonça Filho, cometeu um crasso erro de português. Ao ser questionado sobre o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), o ministro afirmou que “haverão(sic) mudanças, mas essas mudanças não ocorrerão em um curto prazo”.

Na ocasião, o ministro falava sobre as mudanças feitas por medida provisória no currículo do Ensino Médio e afirmou que modificações também acontecerão no Enem. De acordo com a gramática do português, o verbo “haver” no sentido de “existir”, “fazer”, “ocorrer”, “acontecer” sempre será impessoal, ou seja, não terá sujeito e ficará sempre no singular.

Fonte: Redação

Jovens usam o banheiro de shopping para fazer bacanal

Três homens fazem sexo nitidamente dentro do banheiro do shopping Rio Anil, localizado na Avenida Rei de França. Os homens parecem não se intimidar com a presença de outras pessoas e continuam a prática libidinosa.

O jovem que está entre os dois homens ao mesmo tempo em que é penetrado, pratica sexo oral no outro rapaz. Ao perceberem que existia uma pessoa filmando o ato, eles acabaram vestindo-se rapidamente.

Fazer sexo em local público é crime e pode levar de 3 meses à 1 ano de detenção.

O shopping Rio Anil logo emite uma nota afirmando que não compactua com esse tipo de comportamento e tomaram todas as medidas necessárias para que isto não ocorra novamente dentro das dependências do shopping.

Fonte: Blog do Minard

Vereador de Santana do Acaraú, no Ceará, propõe ‘licença-menstruação’

Servidoras têm direito a licença no ciclo menstrual e devem repor as horas.

‘Período de muito sofrimento para as mulheres’, defende autor do projeto de lei.

Proposta do vereador Domingos Sávio prevê dois dias de ausência no trabalho (Foto: Arquivo Pessoal)

Direito de faltar ao trabalho nos dois primeiros dias do ciclo menstrual é a proposta apresentada por um vereador do município de Santana do Acaraú, no Norte do Ceará. O projeto de lei foi apresentado na sessão da Câmara Municipal do dia 10 de fevereiro pelo vereador Domingos Sávio do Nascimento (PV). Já chamado no município de “licença-menstruação”, o projeto foi encaminhado às comissões e deverá ser votado na próxima sessão ordinária da Câmara marcada para a sexta-feira (24).

“Esse é um período de muito sofrimento para as mulheres. De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), cerca de 40% das mulheres em idade fértil apresentam Tensão Pré-Menstrual (TPM) e cerca de 5% ficam incapacitadas para o trabalho. Foi pensando nisso que tive a ideia da lei. Aqui no nosso município, as mulheres são maioria no serviço público, na educação, principalmente”, explica o vereador.

Reposição de horas não trabalhadas
O benefício, no entanto, não se constitui de folgas mensais. De acordo com o projeto de lei, as mulheres podem faltar ao trabalho por até dois dias no mês, mas as horas não trabalhadas deverão ser repostas no decorrer do mês e antes da solicitação de uma nova licença. “A compensação das horas não trabalhadas deve ser acertada entre a trabalhadora e a repartição onde ela está lotada para que não haja prejuízo ao serviço público”, explica o autor da mensagem.

O vereador diz que se inspirou em uma lei de um município do interior de Minas Gerais. “Vi essa lei de um município mineiro e resolvi trazer para Santana do Acaraú. Coincidentemente, no dia que apresentei o projeto, vi uma notícia de outro no mesmo molde, desta vez tramitando na Câmara Federal”.

De autoria do deputado federal Carlos Bezerra (PMDB/MT), o projeto que acrescenta um artigo à Consolidação das Leis do Trabalho (CLT), na parte que trata do trabalho da mulher, visa garantir licença a mulheres em período menstrual.

O projeto do parlamentar de Mato Grosso tramita em caráter conclusivo e será analisado pelas comissões de Defesa dos Direitos da Mulher; de Desenvolvimento Econômico, Indústria, Comércio e Serviços; de Trabalho, de Administração e Serviço Público; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.

Melhora na produtividade
“Cerca de 70% das mulheres têm queda da produtividade do trabalho durante a menstruação, causada pelas cólicas e por outros sintomas associados a elas, como cansaço maior que o habitual, inchaço nas pernas, enjoo, cefaleia, diarreia, dores em outras regiões e vômito”, lista deputado citando estudo sobre o assunto elaborado pela empresa MedInsight.

Carlos Bezerra acredita que a proposta trará vantagens para as mulheres trabalhadoras e para as empresas, que contarão com a força de trabalho feminina nos momentos de maior produtividade

Projeto de Lei deve ser votado na próxima sessão ordinária da Câmara de Santana do Acaraú (Foto: Divulgação)

 

Fonte: Por G1 CE

Homem é preso e polícia apreende 120 kg de maconha em Peritoró, MA

Droga veio escondida em caixas de papelão em um ônibus de turismo.
Polícia afirmou que droga vinha de Goiás e iria abastecer o interior.

Senarc apreende 120 kg de maconha no interior do MA (Foto: Divulgação / Senarc)

Um homem foi preso em flagrante com 120 quilos de maconha na tarde desse domingo (19) próximo ao terminal rodoviário da cidade Peritoró, no interior do Maranhão. Segundo a Superintendência Estadual de Repressão ao Narcotráfico (Senarc) a droga era oriunda do estado de Goiás.

O entorpecente estava acondicionado em caixas de papelão e foi encontrado no bagageiro de um ônibus de turismo. O homem identificado como Hugo Wendel da Silva, de 25 anos, confessou ser o proprietário da droga.

Ainda segundo informações policiais, Hugo Wendel da Silva, de 25 anos, foi autuado pelo crime de tráfico interestadual de drogas, e foi encaminhado ao Centro de Triagem de Pedrinhas.

Fonte: Por G1 MA

Governador FLÁVIO Dino passa ‘voando’ por Codó rumo a Coroatá

A aeronave trazendo o governador pousou no Aeroporto FC em Codó, por volta das 8h30 da manhã de hoje. Flavio Dino foi recepcionado pelo prefeito Francisco Nagib, acompanhado de vereadores e secretários municipais.

Flávio Dino foi recebido por Francisco Nagib (foto do Correio Codoense)

O governador veio à região para inaugurar o Instituto de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão (IEMA) em Coroatá. Flávio Dino falou aos jornalistas e afirmou que no mês que vem, virá a Codó para fazer inaugurações e apresentar projetos de investimentos do governo estadual em parceria com a prefeitura, inclusive sobre a educação.

Flávio Dino foi recebido por Francisco Nagib (foto do Correio Codoense)

“Nós termos uma agenda na cidade de Coroatá, que é uma escola de tempo integral e vou a Afonso Cunha que vamos inaugurar a estrada Afonso Cunha/Coelho Neto. E ao mesmo tempo tenho a alegria de ser recebido pelo prefeito Francisco Nagib. Relativo a Codó tivemos eventos importantes nos últimos dias, e temos muitas novidades que estão em curso, relativo à cidade de Codó, e quero vir já aqui no próximo mês para que a gente faça o lançamento de obras, início de obras, inaugurações”, disse o governador.

O prefeito Francisco Nagib falou de como essa parceria entre Estado/Município vai beneficiar o povo codoense. “Eu só tenho a agradecer ao apoio do Governo do Estado porque esse povo humilde da cidade de Codó espera muito que as políticas públicas cheguem até a população. Então, eu agradeço muito governador Flávio Dino pela forma com que o senhor tem nos recebido, e tem se preocupado com Codó. É assim, com essas parcerias que a gente vai conseguir melhorar a qualidade de vida de nosso povo”, disse Nagib.

Do Aeroporto Flávio Dino embarcou a bordo de outra aeronave, de helicóptero, o governador seguiu para Coroatá cumprir agenda de inaugurações nesta terça-feira, em seguida irá para Afonso Cunha inaugurar a estrada que liga o município a Coelho Neto.

Por Francisco Oliveira/Correiocodoense