Blog do Leonardo Alves - Compromissão com o Leitor!

Jovem é amarrado pela família durante 12 horas após se converter

Um homem em Laos, cujo nome não é identificado por motivos de segurança, teve seu drama divulgado pela missão Portas Abertas. Ele, que possui o dilema de talvez abandonar sua família por conta de sua fé, vive num dos países mais hostis ao cristianismo.

 Com 20 anos, é perseguido e atacado pelos próprios familiares. Justamente pelo não apoio de quem mais precisa, o jovem passa por dificuldades. Entre as ações contra ele, envolvem um espancamento do irmão e de um tio, que o amarraram com cordas e o bateram.

De acordo com informações divulgadas pela Portas Abertas, o Laos ocupa o vigésimo quarto lugar entre os países selecionados na Lista Mundial da Perseguição, que mostra os locais mais difíceis de se exercer a fé cristã.

“Eles me disseram que preciso retornar à antiga fé e que devo negar a Cristo. Fiquei amarrado das 7 horas da manhã até 7 da noite. Doeu ouvir o que saiu da boca deles”, disse o jovem.

 Ele, que é casado e possui um filho de 4 meses de idade, faz parte de um grupo étnico asiático, a tribo Hmong, localizada em uma das províncias de Laos, país asiático próximo da China e Vietnã.

“Um dia, um de seus parentes, que já participou de um aconselhamento pós-trauma da Portas Abertas, pregou a ele o evangelho e ele então se decidiu por Cristo”, disse um missionário que conheceu o jovem.

 “Minha esposa estava doente e nós fomos ver o xamã da nossa aldeia. Ele nos aconselhou a sacrificar muitos animais para que ela fosse curada, mas minha família é muito pobre e não conseguimos comprar tudo o que ele pediu. Foi quando meu tio orou por ela e minha esposa foi curada”, disse o homem.

Após a cura, que trouxe maior qualidade de vida ao casal, os jovens passaram a praticar a fé cristã, o que levou perseguição ao ambiente familiar.

Fonte: Gospel Prime

FUNCIONÁRIOS FANTASMAS DA CÂMARA MUNICIPAL DE CODÓ

O blog do Leonardo Alves, vem sempre denunciando as mazelas da Câmara Municipal de Vereadores, órgão este, que deveria ser exemplo para a população. Um velho costume vem molestando a casa legislativa. Dessa vez, trazemos uma notícia desagradável para os Vereadores que tem assessores que nunca pisaram os pés em gabinete para cumprir com suas atribuições para que assim possam estar a disposição da população para realizarem os atendimentos. A moléstia vem prejudicando os “pobres coitados” que vivem procurando os parlamentares na Câmara. Alguns gabinetes ficam fechados, um dia assessor aparece, outro dia desaparecem. Querer dizer que estão trabalhando nos bairros para ouvir os reclames do povo é uma justificativa sem noção. Mesmo estes parlamentares não ficando diretamente no gabinete, tem a obrigação de deixar um assessor para atender o povo. Estes “fantasmas” estão sendo pagos com dinheiro público e tem obrigação de exercer sua função, prestando atendimento. Todo mês entre os dias 20 e 21 estão na fila do Banco do Brasil para receberem seus salários sem trabalhar. Em plena crise de desemprego tem gente que não gosta de trabalhar ou recebem ordens para ficar relaxando em casa enquanto tem gente mendigando vereador e prefeito para conseguir um emprego. Só recebendo na folha é bom né vereadores?

Um vereador cometeu um pecado gravíssimo em seu gabinete recentemente, o cara colocou na porta do gabinete, um aviso sobre dias e horários de atendimento. No gabinete dele só tem um assessor que aparece nem sempre aparece também. Com certeza os outros que nunca foram trabalhar estão mamando na folhinha. Que é isso? Vereador colocando aviso de atendimento na porta de gabinete? Além de avisar os dias de atendimento, o gabinete deste cidadão só vive de portas fechadas. Cadê os outros assessores? O blog tem uma fotografia do aviso do Vereador na porta do seu gabinete.

Um argumento podem ser criados por eles, poderão dizer que estão sem gabinetes pra colocar esse pessoal. Acho que essa gente não vai aparecer para trabalhar, pelo visto, a velha moléstia da preguiça e desinteresse vai contaminar estes vereadores. Onde estão os fantasmas? Para quem tiver interesse em confirmar com seus próprios olhos o que estamos denunciando, é só se dirigirem na Câmara e observar as movimentações nos gabinetes ou nas sessões nas terças feira. Talvez com essa construção destes novos gabinetes irão criar justificativas.

Segundo um assessor ou chefe de gabinete que não podemos revelar seu nome para evitar sua demissão, disse e confirmou ao blog que no gabinete que está trabalhando tem uma fantasma que nunca pisou os pés no gabinete que não sabe sequer ligar um computador e redigir um ofício e indicação. Cada um vereador tem direito a assessor legislativo, assessor especial e chefe de gabinete, funcionários que ficam a disposição do Vereador, dizem que tem uma lei onde eles prestam serviços externamente para gabinetes do Vereador dentro e fora da cidade. Lugar de assessor é aqui em Codó, Vão fazer o que fora da cidade? Qual compromisso destes parlamentares com seu povo?

Na Câmara Municipal estão os representantes do povo e o povo merece atenção. Votaram em gente nova que pegaram o velho costume dos outros. Mais de 23 destes funcionários não comparecem na Câmara Municipal.