Blog do Leonardo Alves - Compromisso com o Leitor!

Lixão de Codó: O Plano Municipal de resíduos sólidos vai funcionar mesmo?

A população aumenta e a produção de lixo também.

    Tenho acompanhado atentamente os comentários e análises de vários especialistas a respeito dos desdobramentos do não cumprimento do prazo para que as prefeituras acabem com os lixões.

 A Lei da Política Nacional de resíduos sólidos, entrou em vigor em 3 de agosto de 2010, concedendo prazo até agosto de 2012 para os municípios apresentarem seus planos de gestão de resíduos sólidos (art. 55) e até o último dia 2 de agosto de 2014 para o encerramento dos lixões (art. 54). Na gestão passada o máximo que a Câmaras de Vereadores conseguiram fazer foi a elaboração do Plano Municipal, que é o primeiro passo de um grande caminho para a transformação do lixão de Codó em aterro sanitário. O plano foi elaborado em 2012, na Câmara Municipal de Codó. A lei sancionada em 2 de agosto, ela determina ações como a extinção de lixões dos municípios, além da implantação de reciclagem, reuso, compostagem e tratamento do lixo e coleta seletiva nos municípios. Para a lei as prefeituras com o lixo a céu aberto podem responder por crime ambiental além de não receber verbas do governo federal.

Estivemos na Câmara Municipal de Vereadores de Codó, nesta segunda feira (13), as 09:00 hs, para ver o plano municipal de resíduos sólidos, procuramos o presidente Expedito Carneiro, o mesmo não se encontrava no seu gabinete. Em seguida nos dirigimos até a secretaria da Câmara, nos disseram que para podermos vê o plano, tínhamos que ter autorização da presidência da casa.

Nesta terça-feira (14), estivemos novamente na Câmara na procura do vereador presidente, um dos funcionários do gabinete, David, nos informou que o vereador estava doente.  Entramos em contato também com o Diretor do Departamento de Meio Ambiente, Ferdinando Rocha, nos informou que o plano foi elaborado em 2012, nunca foi votado na Câmara, e  precisa ser reformulado para atualização de dados e que encontrava- se em São Luís para tratar sobre essas questões.

Aguardamos resultados.

Timbiras: Realizada a 10° Edição do Torneio de Futebol “PELADINHO”

Timbiras

Dia 11 de Março, as 07 horas, foi realizada a 10° edição do torneio de futebol “PELADINHO”, com crianças e adolescentes. A concentração se deu na Praça da Igreja Matriz. Logo em seguida partirão em caminhada pela Avenida Senador Sebastião Archer, junto com 8 (oito) agremiações que disputarão entre si a “Honra e Mérito” da grande Vitória, chegando ao campo do Bairro Multirão, foi exibido o Hino de Timbiras e as 08 hs, a bola rolou dando início a 1° rodada de campeonato.

O grupo tem 10 (dez) anos de existência, realizando trabalho socioeducativo através do esporte, atendendo crianças e adolescentes de 10 a 14 anos de idade.

Veja e confira os resultados dos jogos abaixo desta primeira rodada;

FORQUILHA (1) X (4) VILA REAL

BONSUCESSO (2) X (3) MILLAN

SOGIMA (0) X (9) MONTE ALEGRE

TABAJARA (1) X (1) ARCO-ÍRIS.

Eduardo Películas *películas de vidro para smartphones!

Eduardo Películas

Películas de vidro para smartphones!
_Apenas 15,00 Reais._ Mais informações whats:
9 8223-8911 Tim
9 9651-8846 Oi

Modelos disponíveis para pronta entrega:

#SAMSUNG
S Duos
S3 Neo
S5 mini
S5 Full
Core Plus
Gran Prime
Gran Neo
Galaxy Note I
Win 1
A3
A5
A5 2016
J1 Ace
J1 2016
J2
J2 Prime
J3
J5
J5 2016
J7
J7 Prime
J7 2016

#MOTOROLA
Moto X1
Moto G1
Moto G2
Moto G3
Moto G4
Moto G4 Play
Moto G4 Plus

#LG
LG G2 mini
LG G2 lite
LG K4
LG K8
LG K10
LG L70
LG X Cam
LG X Power
LG X Style
LG X Screen

#IPHONE
Iphone 4 (frente/costa)
Iphone 5
Iphone 6

#SONY
Xperia Z3
Xperia M2 Aqua
Xperia M4 Aqua

#ASUS
ZenFone Selfie
ZenFone Go
ZenFone 5

#LENOVO
Vibe B
Vibe C2
Vibe K5
Vibe K6

#ALCATEL
Pixi 4

Entregamos em residência 🏡 e aplicamos em seu aparelho 📲 sem nenhum custo adicional.

População em situação de rua em Codó é desafio para Políticas Públicas

  O crescente aumento no número de moradores de rua em Codó é um fato que só vem crescendo e que pede por uma maior atenção por parte do poder público, para que eles tenham a possibilidade de ter uma vida decente e com recursos para se obter menos alguma qualidade de vida. Podem ser uma minoria, mas deixam visível  seus sofrimentos pelas ruas de Codó.

Os motivos que levam uma pessoa a morar na rua são vários, como o desemprego, abandono familiar, ou até a falta de família, o desajuste social, problemas psicológicos e muitas vezes, o vício em drogas, como o álcool e o crack. Essas pessoas já não vêem expectativas em suas vidas, se encontram em uma situação de sobrevivência, fora do contexto social, sem esperanças ou sonhos, usando de papelão e jornais como prática do frio durante a noite, enfrente dos bancos e nas praças.

Não é apenas o governo que deve voltar seus olhos para estas pessoas, mas também a sociedade, que ao se deparar com um “mendigo” na rua e praças, passa como se não existisse nada naquele lugar, como se não fizesse parte de sua realidade. Essa imagem “inconveniente” passa despercebida aos olhos das pessoas que já não enxergam solução para este problema e ignoram o outro, que necessita de ajuda, ou pelo menos, ser tratado com dignidade.

Essas pessoas fazem parte da nossa sociedade, que todos possuem os mesmos direitos perante as leis e que devemos rever nossos conceitos e incentivar o respeito ao próximo tratando todos com dignidade independente da situação socioeconômica em que se encontra. Um importante equipamento púbico para essa população é o Centro de Referência Especializado da Assistência Social para população em situação de rua (CENTRO POP). É importante também a criação de uma organização não governamental (ONG) voltada para  estas pessoas em situação de rua, para discutir e implementar políticas públicas.

Espero pelos comentários e a divulgação de cada leitor, afinal, esse é um tema que deve ser mantido sempre em discussão visando mudança da consciência social de cada um.

CONHECIMENTO À VENDA?

SABER É UMA ATRIBUIÇÃO ADQUIRIDA PELO ESTUDO E IMPOSSÍVEL DE SER COMPRADA. MAS, COM OS PODERES INSTITUÍDOS DO CAPITALISMO, ALIADO ÀS INSTITUIÇÕES MERAMENTE MERCADOLÓGICAS, A SOCIEDADE REPRODUZ A “ILUSÃO DO SABER” . ALGO CORROBADO PELA CRISE DA FAMÍLIA.

 Nos tempos do capitalismo tardio, o sonho pessoal de se formar em um curso universitário se tornou uma possibilidade franqueada a todo indivíduo capaz de pagar a mensalidade de uma instituição de ensino; inúmeras facilidades são oferecidas, de modo a se agregar cada vez mais estudantes nos quadros universitários. Em princípio, tal mudança de paradigmas seria algo culturalmente excelente, pois mais indivíduos poderiam se especializar profissionalmente e assim favorecer o desenvolvimento social. Todavia, grande parte das mudanças de paradigmas acerca da flexibilização do acesso ao ensino superior ocorre por questões meramente mercadológicas, pois corporações empresariais, camufladas socialmente como instituições de ensino, e que fizeram do sistema de ensino um mercado extremamente lucrativo, um grande negócio movimentador da economia atual.

 No mundo pós- moderno, qualquer pessoa agora pode ter seu diploma, desde que possa pagar pela obtenção do mesmo. Tal como destaca com precisão o sublime filósofo e educador Paulo Freire (1921-1997), no contexto dessa realidade educacional norteada pelo primado economicista: “O dinheiro é a medida de todas as coisas, e o lucro, seu objeto principal” .

 O estudante da instituição “comerciária” é tratado como um cliente de empresa que sempre está com a razão, portanto, ele não pode de modo algum ser reprovado pelo professor, caso contrário o estudante -cliente procurará outra instituição universitária para seguir a frágil trajetória acadêmica eivada de resultados intelectuais pifios. Quando ocorre uma reprovação, a culpa é do professor, quando o aluno não compreende o conteúdo da disciplina, a culpa é do professor, e assim sucessivamente, circunstância que evidencia o espírito de ressentimento  estranhado nessa tipologia estudantil. No sistema comercialista de ensino, o professor é vítima constante de assédio moral e pressões institucionais para que possa satisfazer incondicionalmente os caprichos infantis dos alunos,  cada vez mais narcotizados pela infame lógica monetária  do ” pagou, passou” .

CRISE NA EDUCAÇÃO E NA FAMÍLIA .

(Discussão em Marx, Kant e Paulo Freire) .

Nefroclínica de Codó realizará Programação do II Dia Mundial do Rim

  A Nefroclínica de Codó em parceria com a Secretaria Municipal de Saúde, convida  toda população codoense a prestigiar a programação do II Dia Mundial do Rim.

Dia: 09 de março de 2017
Local: Praça Ferreira Bayma
7:00h – Verificação de Pressão Arterial, Glicemia Capilar, Cálculo de IMC.

Local: Auditório do CRM
14h – Palestra ” A Doença Renal Crônica e suas formas de prevenção e tratamento”
15h – Palestra ” Doença Renal X Obesidade ”
16h – Roda de conversa e Apresentação de Trabalhos Científicos.

Local: Área de Eventos do IHGC – Instituto Histórico e Geográfico de Codó
18:00h – Aulão de Aeróbica com Educadores Físico da Academia da Saúde.

Contamos com sua presença

Capitã Francilene Gonçalves faz homenagem pelo dia da Mulher

Parabéns guerreiras!

Capitã Francilene Gonçalves.

  Neste 8 de março, tenho a honra de parabenizar a todas as mulheres em especial às que trabalham no Sistema de Segurança Pública do nosso município, sejam as policiais militares, as policiais civis, Delegada Maria Tecla, as Guardas Municipais bem como as que fazem parte do corpo administrativo de cada uma dessas repartições imprescindíveis para a manutenção da ordem pública.

Seja na área operacional ou administrativa, nós mulheres conquistamos com muita luta nosso espaço, inquestionável nos dias de hoje.

Com coragem e fibra, sem perder jamais a ternura e feminilidade, as mulheres pouco a pouco foram mudando a imagem de instituições, que antes eram predominantemente ocupadas pelo sexo masculino.

Certamente, estas Instituições e toda a população têm muito a comemorar, pois, além de mães, esposas e filhas, as policiais femininas, guardas municipais, agentes e delegada são construtoras da cidadania e da paz social com direito ao respeito e admiração de todos os codoenses.

Um feliz dia a todas as  mulheres!!!

Câmara de Codó recebe trabalhadores rurais para reunião sobre a manifestação de oito de março

Manifestação dia oito de março

  Homens e mulheres do campo e produtores rurais foram recebidos na Câmara Municipal de Codó para reunião sobre a mobilização que irá acontecer no próximo dia oito. Os trabalhadores se encontraram com o vereador Waldeck Frota, que, representando o parlamento, prestou apoio na organização do movimento que pretende parar o fluxo da BR – 316 no dia oito de março.

Vereador Waldeck Frota conversa com trabalhadores

  De acordo com o parlamentar, a Câmara Municipal de Codó e seus vereadores estarão ao lado dos trabalhadores em apoio as suas reivindicações na manifestação de oito de março. “Essa é uma reunião de apoio logístico aos trabalhadores, na organização das comunidades para esta grande mobilização popular. Eles irão reivindicar uma pauta extensa, incluindo pendências de governos passados, do Governo Federal e do Governo do Estado. Estou aqui representando também os demais colegas e dizendo que estaremos ao lado dos trabalhadores. Agradecemos o apoio da Presidência da Câmara, na pessoa do vereador Expedito Carneiro e também a imprensa”, comentou o edil.

Contra as reformas da previdência

Os trabalhadores que representam diversas comunidades da zona rural do município de Codó irão bloquear a BR-316 no dia 8 de março, com reivindicações para os governos municipal, estadual e federal. Dentre as reivindicações estão: a recuperação de estradas vicinais (municipal); recuperação da MA-026, trecho que liga Codó, Km 17 e região do Triangulo e o bloqueio de recursos para o município de Codó (estadual) e ação de manifestação contrária as reformas da previdência.

 

A líder do movimento e representante da Associação dos Produtores Rurais da Comunidade Quebra Coco, Francisca das Chagas Silva Gonzaga, explicou que será uma manifestação pacífica e em prol dos direitos dos trabalhadores rurais. “Esperamos e contamos com a presença de todos, pois precisamos chamar a atenção das autoridades em todas as esferas do poder. Estamos isolados, sem estradas vicinais para escoar a produção, precisamos da recuperação da MA – 026 e estamos dizendo não a reforma da previdência, pois isso afeta diretamente. O agricultor não tem condições físicas para esperar até os 70 anos para receber seu benefício”, explicou.

Comunidades do campo unidas

Chagas lembrou que a manifestação começará às seis horas da manhã do dia 8 de março, com a BR – 316 bloqueada, sendo permitida a passagem apenas de ambulâncias. Os manifestantes estimam a presença entre mil e mil e quinhentas pessoas as margens da via federal.

Ascom – CMC

 

 

Luciano Huck recebe jovem Maranhense do Parlamento Jovem

Arão Mota e Luciano Huck

  O jovem parlamentar maranhense, Arão Mota, do IFMA de São Luís, representou nosso estado no programa do Caldeirão do Hulck, em um debate sobre educação, com outros estudantes do país e mediado por Mário Cortella (filósofo e educador), na terça-feira. Ainda não sabemos o dia que será transmitido o programa, talvez a partir do dia 04 de março.

“Sinto-me mais do que orgulhos por vê- lo ampliando sua atuação. Eu e a comissão de análise e avaliação dos projetos de lei do Programa PJB-SEDUC, já percebíamos ele como destaque. O Arão Mota,  inteligente, brilhante com seu carisma, fluindo no seu discurso de um jovem atuante, conhecedor da sua ação enquanto cidadão, jovem parlamentar, protagonizando nas agendas de políticas atuais das políticas públicas para o fortalecimento da educação e para juventude que fez bonito na semana da jornada parlamentar em Brasília em Setembro de 2016, como vice-presidente da comissão que presidiu. Esperançosa por acreditar que a educação é o viés gerador da transformação social que possibilita diminuir desigualdades sociais desde que com políticas públicas efetivas”, disse a Senhora Rose, Coordenadora Estadual do Programa Parlamento Jovem Brasileiro PJB.

Na semana passada gravou para TV Assembleia e para o Programa Atitude de Maria Assunção. E, atenção aos jovens do ensino médio de escolas públicas (estaduais e federais) e de escolas privadas a partir do dia 26/03, estarão abertas as inscrições para o Programa é o para se inscrever é necessário a elaboração de um projeto de lei “autoral”, produzido pelo aluno e  de relevância nacional. Aguardem a mobilização através desse blog.

 

Moradores do Bairro Trizidela, São Raimundo e Vila Camilo fazem pedido ao Prefeito Francisco Nagib.

Moradores convivem há mais de 08 anos com poeiras, buracos e lama.

Avenida Rei Salomão

  Sabemos que a região do Bairro Trizidela, ligando também a Vila Camilo e São Raimundo é uma região de grande fluxo. Moradores dizem que foram esquecidos há mais de 08 (oito) anos, sem asfaltamento em ruas, travessas e avenidas. Esperam e pedem ao prefeito Francisco Nagib, que possa olhar para as situações que estão enfrentando. Durante o verão sofrem com muita poeira, dizem que nem adianta limpar os seus móveis dentro de casa que já enchem de poeira, quando os carros passam, prejudicando também idosos e crianças com problemas respiratórios. Durante a chuva, muita lama e buracos ficando visível o perigo para os moradores e transportes que trafegam diariamente, realidade constatada há muito tempo.

“A situação está feia, nossa rua nunca viu asfalto, a avenida tem muita lama e buracos, pedimos ao prefeito que olhe para nossa situação”. Disse a moradora Maria das Dores, da Avenida Rei Salomão.

Rua da Matriz – Vila Camilo

Rua Frei Henrique de Coimbra

Rua Padre João Vilar – enche a Rua Brasil de terra e pedras.

 

Avenida Rei Salomão