Blog do Leonardo Alves - Compromissão com o Leitor!

Flávio Dino inaugura laboratórios e anuncia benefícios para estudantes e servidores da UEMA

O governador Flávio Dino entregou nesta sexta-feira (27) uma série de obras e medidas à comunidade acadêmica e de funcionários da Universidade Estadual do Maranhão (UEMA). Em solenidade realizada no Campus Paulo VI, em São Luís, o governador inaugurou o Laboratório Multidisciplinar de Pós-Graduação da universidade e da Vila de Conteiners Prof. Demerval Dias Ramos, com laboratórios de pesquisa para estudantes e professores.

Ele também assinou os editais do programa de assistência estudantil da universidade, que inclui benefícios como auxílio moradia, auxílio creche, auxílio alimentação e bolsa permanência, e a Medida Provisória que concede a Gratificação Funcional aos Servidores Técnico-Administrativos da UEMA.

Ainda durante a solenidade, o governador assinou as ordens de serviço para a construção dos prédios dos cursos de Engenharia da Computação, Matemática e Física, bem como da construção do pórtico de acesso à Cidade Universitária.

Flávio Dino foi também homenageado pela Universidade, com a entrega da medalha Gomes de Sousa. A homenagem é concedida a pessoas consideradas merecedoras de reconhecimento por realizações no campo da educação, cultura, artes, ciências e tecnologia. A medalha, que é a homenagem máxima concedida pela universidade, foi entregue pelo reitor da UEMA, Gustavo Pereira da Costa.

“A UEMA é uma das locomotivas do desenvolvimento inclusivo do Maranhão. Temos procurado agir de forma coerente com esse pensamento, e é por isso que as mudanças que estamos implementando aqui hoje tem um sentido histórico e visam garantir que essa universidade cresça”, afirmou o governador Flávio Dino sobre as ações implementadas e anunciadas para a universidade.

R$ 25 milhões de investimentos

De acordo com o reitor da Uema, as ações inauguradas e anunciadas nesta sexta-feira representam, somadas, um investimento de cerca de R$ 25 milhões, em recursos próprios do governo estadual direcionados ao Campus Paulo VI, de São Luís.

 

Outros R$ 27 milhões devem ser investidos em obras nos campi do interior do estado. Para o reitor, as ações afirmativas reforçam, na prática, a mudança de perspectiva vivida pela UEMA, ampliando as condições da universidade de formar profissionais de excelência, ampliar os espaços de pesquisa e levar desenvolvimento para a comunidade em geral sob a forma de projetos de extensão.

“Hoje estamos vendo a mudança real e concreta. A partir de um conjunto de providências, é possível implementar mesmo num ambiente de profunda crise. Atendemos a demandas antigas de professores e estudantes com ações que reforçam o compromisso desta universidade de formar profissionais de excelência, ampliar os espaços de pesquisa e entregar conhecimento para a comunidade em geral sob a forma de projetos de extensão”, disse Gustavo Pereira.

Ações

O governador Flávio Dino visitou e inaugurou oficialmente a Vila de Contêineres Prof. Demerval Dias Ramos, em homenagem póstuma ao acadêmico da universidade. O espaço é composto por 23 laboratórios instalados em contêineres, todos climatizados, equipados com ponto de lógica e de água, além de banheiros masculino, feminino e para pessoas com deficiência, além de vigilância.

“Este espaço vai abrigar projetos de pesquisa de professores e estudantes da universidade, laboratórios e empresas juniores, atendendo a uma demanda antiga de professores e estudantes”, explicou a prefeita do campus Paulo VI, Fabíola Aguiar.

O prédio de Laboratórios Multiusuários em Pesquisa das Pós Graduação (LAMP) também foi entregue oficialmente à comunidade acadêmica durante a manhã. São dois pavimentos e 21 salas. O espaço abrigará laboratórios de biologia molecular, reprodução animal, microbiologia, imunofarmacologia e microbiologia de alimentos, entre outras especificidades. Alguns laboratórios, como o de mesoscopia e de cultivo celular, vão funcionar pela primeira vez na UEMA com a inauguração do Lamp.

Outra medida pioneira foi a assinatura dos editais que instituem políticas de auxílio para os estudantes em situação de vulnerabilidade social. De acordo com o reitor Gustavo Pereira da Costa, 82% dos estudantes da UEMA são egressos de instituições públicas de ensino, o que reforça a necessidade por políticas públicas capazes de combater a evasão escolar e a retenção.

Medidas aprovadas

Os professores e servidores da UEMA aprovaram as ações anunciadas. Para Maria Inez Pimentel, servidora há 35 anos, a universidade hoje é um espaço muito melhor. “Nunca tudo esteve tão bem como agora, e a gratificação que foi anunciada pelo governador é algo que esperávamos há vários anos. Os professores e técnicos, se sentindo mais valorizados, com certeza vão ter ainda mais empenho”, avaliou a servidora.

O presidente do Sindicato dos Trabalhadores da Universidade Estadual do Maranhão (Sintuema), Miguel Santos, também avaliou como positiva a concessão da gratificação. “É muito importante para todos os servidores, especialmente para os administrativos, porque vai suavizar as perdas sofridas ao longo dos anos”, disse ele. Segundo Miguel, os servidores esperavam pela gratificação desde 1994, ano em que foi instituído o Plano de Cargos, Carreiras e Salários dos servidores da Uema.

Também estavam presentes à solenidade o secretário estadual de Ciência, Tecnologia e Inovação, Davi Telles; o secretário de Infraestrutura, Clayton Noleto; o presidente da Fundação de Amparo à Pesquisa e Desenvolvimento Científico do Maranhão (Fapema), Alex Oliveira; o presidente da Comissão Central de Central  de Licitação do Maranhão, Odair José Neres Santos; a deputada estadual Ana do Gás; o presidente da Associação dos Professores da Uema (Apruema), Manoel Salgado; o presidente do Sintuema, Miguel Santos; além de pró-reitores, professores e servidores da Uema.

 
Fonte:  http://www.ma.gov.br
Categoria: Notícias