Blog do Leonardo Alves - Compromisso com o Leitor!

Incêndio atinge terreno dentro da Universidade Federal do Maranhão

Um incêndio atingiu o galpão de uma cooperativa de reciclagem, dentro do Campus da Universidade Federal do Maranhão (UFMA), em São Luís. De acordo com o Corpo de Bombeiros, o fogo começou em uma área de vegetação e se alastrou até o local

O galpão da cooperativa fica próximo aos prédios do almoxarifado e da garagem da UFMA. De acordo com o Corpo de Bombeiros o incêndio foi controlado após a chegada de quatro viaturas e não foram registrados feridos.

Incêndio atinge terreno dentro da Universidade Federal do Maranhão, em São Luís — Foto: Reprodução / TV Mirante

Incêndio atinge terreno dentro da Universidade Federal do Maranhão, em São Luís — Foto: Reprodução / TV Mirante

As causas do incêndio estão sendo investigadas. Em nota, o Corpo de Bombeiros alerta para o período de estiagem, que contribui para a propagação de focos de incêndio.

Confira a nota do Corpo de Bombeiros

O Corpo de Bombeiros Militar do Maranhão (CBMMA) informa que controlou um incêndio em vegetação registrado na tarde desta sexta-feira (2) no bairro do Sá Viana, próximo à Universidade Federal do Maranhão. Além da vegetação, o incêndio atingiu um galpão com produtos de reciclagem. Quatro viaturas de combate a incêndio foram destinadas ao local e controlaram o fogo. Neste momento o rescaldo no local continua sendo executado pelas equipes dos Bombeiros. Apesar da proximidade de residências no local, não houve registro de feridos.

O Corpo de Bombeiros Militar alerta que neste período de estiagem, os fortes ventos, as altas temperaturas e a baixa umidade relativa do ar contribuem para a propagação de focos de incêndio. Diante disso, o órgão alerta para a população seguir as seguintes orientações:

– Não jogar pontas de cigarros acesas na vegetação seca;
– Não promover eliminação do lixo por meio de queimadas;
– Não lançar fogos de artifício próximo de vegetação seca;
– Não abandonar fogueiras ou braseiros antes que se tenha certeza de que foram apagadas totalmente.

O Corpo de Bombeiros informa, ainda, que disponibiliza o telefone 193 para o registro de chamadas de incêndios.

G1

Categoria: Notícias

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatório são marcados *

*