Blog do Leonardo Alves - Compromisso com o Leitor!

Pastor Carlos Brito é eleito Presidente do Conselho de Pastores de Codó

Os novos integrantes do Conselho de Pastores das Igrejas Evangélicas de Codó tomaram posse no último sábado 06 para o biênio 2018-2019. Na ocasião, uma cerimônia foi realizada na igreja Batista Shalom e contou com a participação de vários pastores da cidade.
O culto foi presidido pelo pastor Cariman, da igreja Presbiteriana. Depois da pregação, o pastor Moisés deu posse ao novo conselho.

Conselho este que existe há mais de 25 anos na cidade de Codó, onde várias denominações comungam de momentos em comunhão, de orações e de fraternidade. O Conselho tem um longo histórico de presidentes, entre eles o Pr. Genésio da Primeira Igreja Batista, Pr. Caetano George, Pr. Cariman, entre outros. É importante ressaltar que essa união entre as igrejas personificada neste Conselho, resulta em: eventos, retiros, cruzadas e outras realizações.

Em seu pronunciamento o Pastor Carlos Brito, falou da importância do conselho de pastor no município que “é uma instituição, sem fins lucrativos, com o propósito de congregar Pastores Evangélicos, bem como Evangelistas, Missionários e Presbíteros com funções pastorais recomendados pelas suas igrejas locais”. A diretoria executiva do conselho têm vigência de dois anos.

Diretoria Executiva

Presidente – Pastor Carlos Brito (Igreja Batista Shalom)

1º Vice Presidente – Pastor Moisés Paiva (Igreja Batista Maranata)

1º Secretário – Pastor Fagner Santana

1º Tesoureiro – Pastor Hedeniltom Portela

Conselho Fiscal. Pastor Gersione Barros, Pr José Jorge e Pr Hamilson

Fonte:  codonoticias

 

Pastor Max engaveta orçamento 2018 e com os demais vereadores inviabiliza investimentos para Codó

A população codoense já está cansada de saber que a maioria dos seus vereadores não é muito chegada a trabalhar. Passaram 2017 fingindo que trabalhavam e, na última sessão do ano (26/12) compareceram apenas uns gatos pingados.

Não bastasse o descaso com que trataram a população que os remunera, na primeira sessão de 2018 (dia 02/01), os vereadores deixaram bem claro como pretendem fazer durante todo o ano. A sessão não se realizou por falta de quórum – somente compareceram os vereadores Expedito Carneiro e Rodrigo Figueiredo (não por acaso, os mais assíduos durante 2017).

O caro leitor deve estar se perguntando: Mas já teve sessão no primeiro dia útil do ano? O Poder Legislativo não entra em recesso? Todos os parlamentos estão em recesso, por quê só não em Codó?

EXPLICO!

O Regimento Interno (art. 2º) da Câmara Municipal de Codó até prevê o recesso legislativo. Mas proíbe que os vereadores entrem em recesso enquanto não for votado o Orçamento para o ano seguinte. Ou seja, somente poderiam ter entrado em recesso após votar a Lei Orçamentária Anual para o exercício 2018.

É a Lei Orçamentária que estima as receitas e autoriza as despesas para os órgãos da Administração Municipal. Somente após a aprovação desta lei o município poderá realizar investimentos em áreas importantes, como saúde, educação, infra-estrutura, etc. Mas, ao que parece, os vereadores estão pouco se lixando para o orçamento municipal.

VEREADOR PASTOR MAX ENGAVENTA O ORÇAMENTO 2018

Qualquer projeto de lei para que seja aprovado no Poder Legislativo necessita antes tramitar nas comissões. São elas que analisam tecnicamente as matérias e emitem pareceres prévios pela sua aprovação ou rejeição.

No caso da LOA (Lei Orçamentária Anual), seu projeto antes de chegar ao Plenário da Casa, passa antes pela Comissão de Orçamento e pela Comissão de Constituição e Justiça.

Pois bem, na Comissão de Orçamento, o projeto tramitou durante 73 dias e, após análise, foi devolvido pelo vereador Leonel Filho (presidente da comissão) em 19/12/2017.

No mesmo dia, o Projeto de Lei Orçamentária 2018 foi entregue ao vereador Pastor Max, vice-presidente da Comissão de Constituição e Justiça, que o engavetou. Até a data de hoje, a tal Comissão não se reuniu para debater o assunto, nem apresentou qualquer parecer à Mesa Diretora da Câmara.

Ou seja, SEM ORÇAMENTO, NÃO HÁ RECESSO! Mas isso não parece ser problema para os “nobres edis” codoenses. Afinal, a maioria lá não está muito acostumada a comparecer para trabalhar.

De todo modo, cabe aqui o adágio popular: “se não quer, tem quem queira”. É bom que essa cambada lembre que há os “suplentes” que podem assumir caso os titulares achem que o trabalho legislativo é excessivamente penoso e cansativo, ou que o mísero salário de R$ 6.080,00 é insuficiente para remunerá-los.

ATRAPALHANDO A  VIDA DO PREFEITO NAGIB

Se para os vereadores, não votar o orçamento implica em suspensão do recesso, o mesmo não se aplica ao Poder Executivo e para o restante da população codoense.

É que o artigo 167, inciso I, da Constituição Federal proíbe o início de qualquer programa ou projeto, como obras de infra-estrutura urbana (construção de praças, asfaltamento de ruas, rede de distribuição de água), saúde (construção de postos de saúde e aquisição de equipamentos hospitalares), educação (construção de escolas e creches) etc, que não esteja previsto em orçamento.

Aliás, fica aqui a advertência ao sr. Prefeito: a desobediência a estes preceitos constitucionais, pode configurar crime de responsabilidade.

Hoje é terça-feira, dia de Sessão na Câmara Municipal de Codó. Será que os faustos nababos codoenses comparecerão?

Fonte:  blogdodesa

Moradora do Conjunto Novo Milênio oferece recompensa a quem achar gata desaparecida

A moradora Joyce que mora no Conjunto Novo Milênio, está em busca da gata Channys, que desapareceu hoje (07). A moradora não tem pista de onde ela possa estar. A gata de cor creme, tem o rabo peludo, tem uma pata dianteira atrofiada, usa coleira, da raça siamês.

A moradora estar oferecendo uma recompensa para quem achar a gatinha. Quem tiver informações sobre o paradeiro da Channys, pode entrar em contato com a Joyce pelo telefone (99)9-81619931

Zito Rolim e Francisco Nagib, deixam a sexta maior Cidade do Maranhão, sem médico Neurologista há mais de 09 (nove)anos

Codó, a sexta maior cidade do estado do Maranhão, vem sofrendo com a falta de médico neurologista há mais de 09 (nove) anos. A cidade de Codó já tem mais de 120 mil habitantes e não dispõe de um médico neurologista no Hospital Geral Municipal (HGM).

O Blog do Leonardo Alves já fez esta reclamação da população anteriormente, mas o atual gestor não está nem aí com o sofrimento da população.

O Prefeito Francisco Nagib (PDT), nunca se manifestou ao blog e nem sequer em seus veículos de comunicação e ainda não deu nenhuma esperança para o povo para trazer este especialista para o nosso município. Enquanto isso, a população está sofrendo. Quando ocorre um problema grave pacientes são transferidos para hospitais mais avançados, onde são registrados pacientes com morte cerebral, devido a falta de neurocirurgião.

Codó foi um dos municípios que mais recebeu recursos do governo federal. O Prefeito Nagib enviou um projeto imoral para Câmara Municipal, aumentando o salário do procurador do município para 75%, e porque não contratou o neurologista para Codó? Falta de compromisso ou é a crise que o prefeito sempre alega? Cadê o dinheiro da saúde pública?

Zito Rolim em seus 08 (oito) anos de mandato deixou Codó sem neurologista e o atual prefeito Nagib, em um ano de governo não priorizou a saúde mental do município.

PISANDO NA JUSTIÇA: Nagib descumpre prazo do TAC da realização do Concurso Público

Assim que Francisco Nagib assumiu o poder houve uma pressão de diversos setores da sociedade pela realização de um concurso público uma vez que no ano anterior Zito, seu antecessor, tentou realizar um certame que foi barrado na Justiça.

O Ministério Público Estadual, que já vinha tentando desde 2015, pegou a carona da nova onda de pressão popular e conseguiu fazer com que o novo gestor assinasse um TERMO DE AJUSTAMENTO DE CONDUTA comprometendo-se a realizar o concurso até 31 de dezembro de 2017.

Este ato de assinatura do TAC aconteceu no dia 8 de fevereiro de 2017. O prazo acabou e o concurso não fora realizado.

A Promotora Linda Luz Matos Carvalho ainda não se pronunciou a respeito do que pretende fazer com o gestor municipal pelo descumprimento do TAC do Concurso.

Fonte: Blog do Acelio

Conselho Estadual de Educação avalia a UEMA com perfil de qualidade MUITO BOM

Com a verificação, instituição está com credenciamento renovado

Prédio da Reitoria da UEMA

Com a verificação, instituição está com credenciamento renovado

 O credenciamento da Universidade Estadual do Maranhão foi renovado pelo Conselho Estadual do Maranhão por cinco anos, de acordo com a Resolução n. 215/17 do órgão.

As análises feitas pela comissão apontaram conclusões muito favoráveis à UEMA, considerando eixos, pesos e conceitos totalizando 375 pontos, obtendo nota final igual a 4, equivalente ao perfil de qualidade “muito bom”.

O reitor da UEMA, Gustavo Pereira da Costa, ratificou que essa foi a primeira vez que a instituição recebeu esta nota. “A análise do Conselho Estadual de Educação premia o esforço de todos, o compromisso coletivo com a qualidade acadêmica e a obstinada busca pela realização de nossa missão. Definitivamente, orgulho de ser UEMA”, frisou.

As verificações do conselho foram feitas in loco, fundamentado nos referenciais de qualidade dispostos na legislação vigente e no Instrumento de Avaliação do Conselho. Alguns dos aspectos analisados foram: eficácia e eficiência do ensino; condições gerais e específicas dos cursos oferecidos; importância dos seus programas de pesquisa; relevância de sua produção cultural e científica; eficácia da formação profissional; qualidade da gestão administrativa e financeira, entre outros.

Por: Walline Alves

Foto: Rafael Carvalho

Após reclamação aqui no Blog, Prefeitura finalmente resolve problema da Avenida São Benedito

Logo após matéria aqui no blog, onde os moradores da Avenida São Benedito reclamaram sobre uma árvore caída na praça, prejudicando o trânsito do local, finalmente a Prefeitura de Codó, através do departamento responsável pelas praças e pelo ajardinamento, resolveram a situação que estava prejudicando as pessoas que transitavam na avenida e principalmente os moradores.

Estivemos no local nesta sexta-feira (05), no início da tarde e constatamos a retirada da árvore do local.

VALE A PENA VER DE NOVO: Vereadora de Codó Não Sabe de Nada

Circulou um vídeo nas redes sociais em 2017, que mostrou a Vereadora Cleane do Edson Cobel, respondendo a repórter Emanuela Carvalho da TV Cidade (Record), “NÃO SEI”.

A repórter abordou a Vereadora, ao ser questionada pela sua votação a favor de uma lei de autoria do poder executivo que aumenta o salário do procurador geral do município a 75% do que ganha o prefeito.

Um dos temas mais polêmicos do legislativo codoense no ano de 2017.
Veja abaixo, o vídeo que se espalhou nas redes sociais.

error: Content is protected !!