Blog do Leonardo Alves - Compromisso com o Leitor!

Governo do Estado investe mais de R$ 14 milhões na infraestrutura de Peritoró

O Governo do Maranhão está investido mais de R$ 14 milhões para melhorar a infraestrutura do município de Peritoró, por meio de programas como o Água para Todos e Mais Asfalto. No dia 3 deste mês, o governador Flávio Dino entregou a reforma do Mercado Público Municipal Luiz Montenegro Tavares, a Delegacia de Polícia Civil e anunciou novos investimentos em Peritoró.

“O governo Flávio Dino trabalha de forma planejada garantindo mais justiça social e oportunidade para todos com os investimentos que chegam a todos os municípios maranhenses, consolidando os caminhos da mudança”, destacou o secretário de estado de Infraestrutura, Clayton Noleto.

Com o programa Água para Todos, o Governo do Estado está ampliando os serviços de saneamento básico com a implantação de sistemas de abastecimento de água. Nos povoados Santa Maria e Bacuri, os sistemas de água já foram inaugurados, beneficiando diretamente 2.120 pessoas. Em andamento estão os sistemas no povoado Livramento e na sede do município. Até o final do ano, mais três sistemas devem ser inaugurados.

Por meio do programa Mais Asfalto, a secretaria de Estado da Infraestrutura (Sinfra) requalificou nove quilômetros de ruas nos bairros. Durante a visita deste mês ao município, o governador anunciou, no dia 4, reforma do terminal rodoviário, esperado há mais de 40 anos pelos moradores. O investimento de mais de R$ 4 milhões vai garantir um local novo e adaptado para receber os passageiros que fazem rota na região.

“É como diz o ditado: tudo tem seu tempo certo. É isso que a gente precisa, da atenção dos governantes para a população mais humilde, que nosso estado tem muito. A inauguração da delegacia já era para ter sido feita há muito tempo” comemorou o autônomo Wellington Gonçalves.

Mais investimentos

Delegacia entregue pelo Governo do Estado em Peritoró. (Foto: Jorge Ribeiro)

Os investimentos do governo Flávio Dino continuam em outras áreas. Em Peritoró, mais de nove mil pessoas são beneficiadas com o programa Bolsa Escola, administrado pela Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social (Sedes).

A Secretaria de Estado da Agricultura, Pecuária e Pesca (Sagrima) está fortalecido as cadeias produtivas e promovido a geração de emprego e renda, por meio de entrega de materiais e equipamentos, além da oferta de assistência técnica gerencial e uso de novas tecnologias.

Com o programa Mais Produção, o governo apoia os agricultores na produção de arroz, feijão e milho, mediante a distribuição de sementes e assistência técnica. Foram mais de 24 mil quilos de sementes distribuídas. Somada a entrega de uma patrulha agrícola composta por um trator, uma grade aradora, uma roçadeira hidráulica e uma carreta agrícola, o governo amplia a assistência à agricultura familiar.

No âmbito do programa Escola Digna, o governo Flávio Dino entregou três escolas nos povoados Peritoró dos Pretos, Bacuri e Santa Maria. As construções substituem escolas de taipa e de barro existente nas regiões. Para este ano, mais três escolas devem ser construídas em povoados da cidade. Para garantir o melhoramento de escolas existentes na cidade, o governo reformou o C.E Engº Roberto Cunha e entregou 1.952 uniformes escolares para as escolas de Peritoró.

Na saúde, uma ambulância foi entregue à cidade e o Odontomóvel atende a população de locais de difícil acesso, em parceria com o Governo Federal. Para melhorar a segurança dos munícipes, o Governo do Estado construiu a Delegacia de Polícia Civil e entregou uma viatura e duas motos para auxiliar no policiamento da região e combater a criminalidade na região.

Fonte: ma.gov.br

Estudante usa seu perfil de facebook para reclamar da Biblioteca Pública de Codó

Estudantes que frequentam a Biblioteca Pública Municipal de Codó, sofrem com problemas de infraestrutura e manutenção no local e principalmente com o ar condicionado que não funciona.

Um estudante publicou em seu perfil pessoal de facebook, uma reclamação sobre o ar condicionado da biblioteca que segundo o mesmo, não está funcionando e pede providências ao prefeito.

A situação da biblioteca pública é precária e a prefeitura ainda não tomou providências para melhorar as condições. Além de não funcionar no turno noturno, apresenta desconforto para a juventude codoense.

Viva Cidadão de Coroatá está realizando inscrições do Enem 2018

Através de um comunicado, o Viva Cidadão de Coroatá informou nesta quarta-feira (10) que está realizando, sem cobrar custo algum, as inscrições para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2018.

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep) abriu as inscrições na segunda-feira (7) e os candidatos, isentos ou não do pagamento da taxa, têm até o dia 18 de maio para se inscrever.

Para realizar a inscrição no Viva Cidadão de Coroatá, os interessados precisam se dirigir até a unidade com os seguintes documentos em mãos: CPF, RG e comprovante de residência.

O atendimento inicia às 7h da manhã e vai até as 17h.

Fonte: Portal Coroatá Online

Aluna de 14 anos é esfaqueada por colega de sala em escola de Teresina

Uma discussão que começou nas redes sociais entre colegas de sala resultou numa agressão a facadas nesta semana no intervalo da Unidade Escolar Antônio Gayoso, no bairro São Joaquim, zona Norte de Teresina.
Segundo a polícia, uma adolescente de 16 anos chamou uma colega nos fundos da escola e com ajuda de outra menina aplicou dois golpes de faca na estudante de 14 anos.
A vítima foi levada para a sala diretora e, em seguida, socorrida pelo SAMU para o Hospital de Urgência de Teresina (HUT).
De acordo com informações do HUT, apesar dos ferimentos a adolescente passa bem e não precisou de intervenções cirúrgicas. Ela foi ferida nas costas, umbigo e no pulso.
As adolescentes agressoras foram identificadas e levadas para Central de Flagrantes, onde foram autuados pelo ato infracional, devendo receber medidas socioeducativas. O fato que teria levado as agressões, seria uma discussão entre vítima e agressora na rede social Facebook.
A Secretaria Municipal de Educação (Semec) informou que a direção da escola já tomou providências e foi instaurado processo administrativo disciplinar.
Fonte: Fala Piaui