Comissão do Bolsa Atleta abre envelopes e nomes dos beneficiários serão divulgados no dia 30 de abril

A comissão julgadora da Secretaria de Estado do Esporte e Lazer (Sedel) realizou na última terça-feira (23), no auditório do Edifício João Goulart, a abertura dos exatos 445 envelopes dos atletas que participam da concorrência pública para o programa Bolsa Atleta 2020-2021. A lista com o resultado final será divulgada no dia 30 de abril. A sessão foi aberta ao público, respeitando a capacidade máxima do espaço para 60 pessoas, devido ao período de pandemia.

À frente do processo, o secretário de Estado do Esporte e Lazer, Rogério Cafeteira, reiterou sobre a importância do programa para o esporte no Maranhão. “O Bolsa Atleta tem a importância de fomentar o esporte e de criar condições pra que a nossa base possa ter condições melhores de treinamento. É importante também pro resgate social desses atletas, principalmente nas áreas de vulnerabilidade”, pontuou.

Cafeteira destacou ainda sobre a funcionalidade e a dinâmica do programa no dia a dia da população contemplada. “O esporte funciona como uma ferramenta de resgate e inclusão, então o Bolsa Atleta tem esse objetivo. De fomentar nossas categorias de base, dar oportunidade de resgatar e incluir jovens em área de vulnerabilidade e, porque não, viabilizar a parte profissional no futuro”, ressaltou o secretário.

A iniciativa é realizada pelo Governo do Maranhão que dispara como o maior programa de Bolsa Atleta do Brasil realizado entre os estados brasileiros. O programa é um auxílio aos atletas maranhenses e que tem como principal objetivo ajudar no custeio das despesas relacionadas à prática desportiva, como transporte, alimentação, inscrições e aquisição de materiais. A bolsa terá o valor de R$ 500,00 por pessoa.

O presidente da Comissão do Bolsa Atleta, Leonardo Cordeiro, disse que o dia se torna importante e singular para o esporte maranhense. “O lançamento do Programa Bolsa Atleta significa, em todo o contexto da pandemia, um alento para os esportistas maranhenses que vão ter um apoio institucional por meio do programa para execução do seu treinamento e da sua vida enquanto atleta. É fundamental dizer que é um processo amplo, com publicidade e lisura. Com certeza, os atletas maranhenses contarão com o apoio desse programa que tantos benefícios trará à categoria dos atletas”, disparou.

Expectativas a mil

Com o sonho de realizar mais treinos diários, um dos candidatos ao Bolsa Atleta é Carlos Vinicius, atleta de Tiro, de 20 anos, que além de dedicação à modalidade, divide o seu tempo como estudante do curso de Artes Visuais na Universidade Federal do Maranhão (UFMA). “Eu sinto que eu conseguiria dedicar mais tempo principalmente ao meu treino. Hoje em dia, se eu treino três vezes na semana, eu poderia dedicar mais tempo ao treino sem precisar me preocupar. Existe a questão dos torneios internacionais em que a gente consegue aprender muito e, o fato de eu conseguir ir mais, com o auxílio da bolsa, seria muito importante tanto para eu crescer como atleta, como me profissionalizar no esporte”, comentou.

Do Bolsa Atleta

O programa é voltado aos estudantes do ensino fundamental, médio e da graduação. Os alunos do ensino fundamental e médio devem ter idade mínima de 10 anos e máxima de 17 anos, quando da inscrição; estar matriculado e cursando os níveis fundamental ou médio em escola pública ou particular, desde que na condição de bolsista integral; aquiescência dos responsáveis; residir no Estado do Maranhão; estar em plena atividade esportiva e participando de competições, em âmbito estadual, nacional ou internacional.

Na categoria universitário, os estudantes precisam ter idade mínima de 18 anos e máxima de 25 anos, estarem matriculados e cursando curso de graduação de nível superior em instituição pública de ensino ou particular, desde que na condição de bolsista integral; residir no Estado do Maranhão; estar em plena atividade esportiva e participando de competições em âmbito municipal, estadual, nacional ou internacional.

Sobre a Lei

A Lei Estadual Nº 11.010 de 24 de abril de 2019, que institui o programa Bolsa Atleta, tem como objetivo democratizar o acesso à prática esportiva, valorizando os atletas estudantis maranhenses com bolsas que serão disponibilizadas a atletas e paratletas de base, de 10 a 25 anos.

Ascom

Prefeito Zé Francisco entrega novos fardamentos para servidores da limpeza pública

O prefeito Zé Francisco realizou na manhã de hoje (27), a  entrega dos novos Kit’s de fardamento para os servidores da limpeza pública.

O  novo fardamento é de grande importância, pois além de padronizar os servidores da limpeza é fundamental para garantir a proteção dos profissionais no exercício de suas funções.

A entrega contou com a presença do secretário de Infraestrutura, Zé Inácio e assessores da administração municipal, que pessoalmente realizaram a distribuição dos kit’s.

Codó realiza seminário interdisciplinar para profissionais da educação

A IETEF (Instituto Educacional, Técnico, Tecnológico, Cultural e Formação Profissional) de Codó, realizou neste final de semana (20 e 21), no auditório do CEU’S no Conjunto COHAB, bairro São Francisco, a Aula Inaugural do Curso de Psicanalise Clinica e Integrativa e o Seminário Interdisciplinar que teve como tema: Saberes educacionais: Velhos temas, novos desafios.

O seminário foi destinado para professores, cuidador escolar e de idosos, coordenadores, supervisores, gestores e profissionais nas áreas de educação, com o seguinte conteúdo: Didática: Velhos temas, novos desafios; Novas estratégias didáticas no contexto contemporâneo; O que é didática; e Didática no ensino fundamental.

O coordenador da região de Codó Manoel Júnior, agradeceu em nome do diretor administrativo estadual, Professor Francisco de Paula, a participação de todos que se fizeram presentes no evento, disse que foi tomado todos os cuidados conforme determina os órgãos de saúde, enfatizou ainda, o apoio do poder público referente ao espaço concedido para a realização do seminário, momento impar para que os profissionais de educação da nossa cidade se capacitem, com informações importantes para esse período de início do ano letivo, informou que para o mês e abril, será realizado um seminário voltado para o público da área de serviço social, além de turmas de cursos técnicos, que serão divulgados posteriormente.

No encerramento foi entregue o certificado para os participantes do seminário, ficando para o dia 20 de março, a primeira aula oficial do Curso de Psicanalise Clinica e Integrativa, maiores informações, com o coordenador regional Manoel Júnior ou pelo celular 99 98127-3915.

Acordo corrige número de vagas para negros no concurso público da Câmara Municipal de São Luís

Em audiência de conciliação, realizada em 23 de fevereiro, o Ministério Público do Maranhão, a Fundação Sousândrade e a Câmara de Vereadores de São Luís firmaram acordo judicial para corrigir o quadro de vagas reservadas a negros e pardos no concurso público, regido pelo Edital nº 001/2018, da casa do Legislativo Municipal.

A correção foi pleiteada em Ação Civil Pública proposta, no dia 2 de fevereiro, pela titular da 11ª Promotoria de Justiça Especializada na Defesa dos Direitos Fundamentais, Márcia Lima Buhatem.

Pelo acordo, a Câmara efetuará o preenchimento de 10 vagas diretas para completar o percentual de 20% do total exigido em lei destinado a negros e pardos. Também destinará mais 15 vagas em cadastro de reserva.

A Câmara Municipal de São Luís e a Fundação Sousândrade também se comprometem a realizar, no próximo dia 10 de março, a convocação dos candidatos não eliminados para a heteroidentificação racial. Devem, ainda, proceder, de 9 a 11 de abril, à identificação racial dos convocados, conforme edital lançado na página do concurso.

Além disso, devem divulgar até o dia 27 de abril o resultado final da heteroidentificação, após o julgamento de eventuais recursos. Os aprovados entram de acordo com sua pontuação na classificação.

O acordo foi homologado pelo juiz Douglas de Melo Martins, da Vara de Direitos Difusos de São Luís.

VAGAS

Na ACP, o MPMA requereu medidas para constar, no edital, a reserva de 23 vagas diretas aos candidatos negros e pardos, alcançando o percentual de 20% estabelecido pela Lei Estadual nº 10.404/2015. O cálculo considera a totalidade de 114 vagas diretas ofertadas no certame. Deve observar, ainda, a reserva automática para as funções dos níveis superior e médio.

No edital original, foram reservadas apenas 13 vagas diretas e 31 em cadastro de reserva.

Redação: CCOM-MPMA

Deputada Mical Damasceno assume presidência estadual do PTB no Maranhão

O diretório do Partido Trabalhista Brasileiro no Maranhão tem uma nova líder. A Deputada Estadual Mical Damasceno é a nova presidente da sigla no estado. A parlamentar, que está em seu primeiro mandato, assume de forma imediata a posição.

Damasceno afirma que as mulheres devem correr atrás de seu espaço e fica lisonjeada pela confiança concedida pelo Presidente Nacional, Roberto Jefferson, e a Vice-Presidente Nacional e Presidente Nacional do PTB Mulher, Graciela Nienov. “A gente fica feliz porque o presidente dá oportunidade para mais uma mulher”, reitera.
Ainda mais, a parlamentar diz que não medirá esforços para engrandecer o partido na região, com foco em políticas e incentivos para desfazer preconceitos sobre a participação das mulheres na política. Para isso, pretende focar em treinamento e compartilhamento de informações relevantes voltadas para o público feminino. Sobretudo, quer ir atrás de pessoas conservadoras para se filiarem e colaborarem no processo.

Mical Damasceno possui forte base nos princípios religiosos, com bandeiras de luta e defesa da família, a assistência social, a saúde e a segurança pública. Movida pela vontade de defender o próximo e incentivada por pessoas da área política, Mical foi eleita pelo PTB, nas eleições de 2018, a Deputada Estadual mais bem votada da sua coligação, com 30.693 votos.