Deputados e prefeituras solicitam reabertura de agências do BB em São Luís e Governador Archer

A Comissão de Fiscalização Financeira e Controle da Câmara Federal realizou nesta sexta-feira (11), uma visita técnica à agência do Banco do Brasil, no bairro do Cohatrac, em São Luís, fechada pela instituição bancária.

Após a visita, a Comissão representada pelos deputados Hildo Rocha (MDB), Pedro Lucas (PTB) e Bira do Pindaré (PSB), realizou reunião na sede da Famem, com a presença do superintendente do Banco do Brasil no Maranhão, José Soares de Oliveira, da prefeita de Governador Archer, Professora Leide, que na oportunidade, representou o presidente da Famem, Erlânio Xavier, além do presidente do Sindicato dos Bancários no Estado do Maranhão, Eloy Natan, e da vice-prefeita de São Luís, Esmênia Miranda, e do diretor executivo da Famem, Marcelo Freitas.

Na reunião, a comissão de deputados e os representantes dos municípios de São Luís e Governador Archer, solicitaram do superintendente do Banco do Brasil, explicações sobre o fechamento da agência do Cohatrac e em Governador Archer e reivindicaram a reabertura dos postos.

O deputado Hildo Rocha, presidente da Comissão de Fiscalização Financeira e Controle da Câmara Federal, pontuou os objetivos da agenda de visita e reunião.

“Após a visita técnica que fizemos à agência no Cohatrac, estamos fazendo essa mesa redonda para discutirmos os motivos pelo qual realizamos a visita e proceder com os encaminhamentos necessários, nesse caso das razões que levaram ao fechamento da agência do Banco do Brasil, no bairro do Cohatrac aqui em São Luís, mas também da agência de Governador Archer e, além de ouvirmos as explicações, buscarmos também uma solução, que seria a reabertura dos postos”, explicou.

O deputado Pedro Lucas chamou a atenção para o papel social que as agências do Banco do Brasil desempenham e a perda que a cidade, o bairro e as pessoas podem ter com o fechamento de postos da instituição financeira.

“O Banco do Brasil não pode se pautar apenas pela questão do lucro, ele é instituição financeira social e desempenha um papel importantíssimo para o desenvolvimento local de onde ele está inserido, contribuindo para a manutenção do comércio e para a subsistência dos moradores, que muita das vezes, têm apenas o Banco do Brasil como instituição bancária para receber seus proventos. Sem o crédito, sem uma instituição financeira perto, o comércio e as demais atividades de desenvolvimento de um bairro ou de um município, perde muito”, ressaltou.

A prefeita de Governador Archer e representante da Famem, Professora Leide, destacou a situação de desassistência população do município, que está sendo obrigada a se deslocarem até ás cidades vizinhas para realizar alguma transação bancária. “É muito triste quando vimos a agência do Banco do Brasil com uma faixa preta, fechada. Porém, mais triste ainda e a gente se comove, quando ver pessoas idosas tendo que pegar um moto táxi para se dirigir até outro município para receber seu salário”, contou.

O superintendente do Banco do Brasil no Maranhão, José Soares de Oliveira, disse que o fechamento das agências tem motivação de simplificar os processos, com a digitização dos serviços de atendimento. Outro motivo colocado pelo representante do BB é a geografia, uma vez que as agências fechadas em questão têm ao seu entorno várias outros postos próximos, o que justificaria o encerramento dessas agências.

“Mais de 85% das nossas transações são feitas hoje no aplicativo e outra parte significativa é feita via internet bank. Então, principalmente nesse tempo de pandemia, esse processo de digitização acelerou muito, diminuindo nossa presença transacional”, pontuou.

Como encaminhamento da reunião, o representante do Banco do Brasil ficou de levar as reivindicações e argumentos da Comissão e dos demais representantes presentes na mesa redonda, para a direção do banco, no intuito do retorno das atividades dos postos em São Luís e Governador Archer.

Ascom FAMEM

Deputado Leonardo Sá declara apoio ao aumento do piso salarial dos profissionais de enfermagem

O deputado estadual Dr. Leonardo Sá (PL) declarou, em suas redes sociais, nesta sexta-feira (11), apoio ao aumento do piso salarial nacional dos profissionais de enfermagem.

O Projeto de Lei 2564/2020 está no Senado Federal para ser analisado e votado. A iniciativa corresponde a uma das grandes lutas travadas pela categoria há anos.

Na proposta a ser analisada, o valor do piso para enfermeiros é R$ 7.315,00. Para os técnicos, de 70% sobre o piso do enfermeiro (R$ 5.120,50) e para auxiliares e parteiras, de 50% (R$ 3.657,30), todos com base em jornada de trabalho de 30 horas. Acima dessa carga horária, haverá correspondência proporcional.

“São profissionais que trabalham sob muita pressão, principalmente psicológica. A população viu de perto a importância desses profissionais durante a pandemia. Logo, nada mais justo que aumentar seu piso salarial”, declarou o parlamentar.

ASCOM

VEJA A NOTA: Assessoria de Comunicação de Zé Francisco diz que não existe nenhum paciente de Codó hospitalizado em Timbiras por Covid-19

A VERDADE QUE ELES NÃO APRESENTAM: ÓBITOS POR COVID-19 DE MARÇO DE 2020 A JUNHO DE 2021.

Quando se quer iludir as pessoas e agourar o que está dando certo, vale de tudo para alguns sábios da mente perturbada. Observe no gráfico os números reais sobre óbitos por Covid-19 no município de Codó. Nesta mesma data, na gestão anterior, o número de óbitos foi bem maior do que no mesmo período da atual gestão, ou seja, estamos em uma curva descendente de óbitos. Isto não é por acaso, mas fruto de muito trabalho para que o sistema de saúde municipal seja reestruturado e chegue ao nível que a população necessita e merece.

Na primeira onda o município recebeu milhões de reais, porém, sem os resultados esperados, de modo que nenhuma herança ficou do investimento realizado. Quando a cortina de fumaça sumiu onde estava o famigerado Hospital de Campanha?

A pandemia virou trampolim e escada para discursos políticos. O discernimento e a solidariedade com as famílias que perderam seus entes queridos passam longe dos discursos de oposição à gestão do Dr. Zé Francisco. Sabemos que há muito trabalho a ser feito. O planejamento estratégico está pronto e estamos trabalhando arduamente para que, o quanto antes, nosso sistema de saúde esteja reestruturado e operando de forma resolutiva e eficiente.

Hoje, por exemplo, Codó não tem nenhum paciente hospitalizado em Timbiras por Covid–19. Isso mostra que, diferentemente do ano passado, o codoense está sendo tratado em Codó e que as medidas que estão sendo tomadas estão diminuindo bastante a migração de codoenses, que vinha acontecendo nos últimos 4 anos. Quanto a cirurgias, em todo o Estado do Maranhão as cirurgias eletivas estão suspensas. Só emergenciais.

ESTAMOS REESTRUTURANDO A SAÚDE DE CODÓ!

Falar e mandar atacar o atual governo é fácil. Enquanto isso, todos acompanham diariamente as mídias da gestão Cidade de Todos trabalhando na restauração do Sistema de Saúde Municipal, investindo na vacinação e no tratamento das famílias que sofrem com a pandemia, além de atendimentos de reabilitação pós-covid, e outros setores da Saúde, que melhoram significativamente a cada dia, em pouco tempo da administração do doutor José Francisco.

ASCOM

Vereador Dr. José Mendes fiscaliza chegada do sistema de abastecimento na comunidade Divina Providência II

Por meio de Indicação, o Vereador Dr. José Mendes solicitou ao governo municipal a instalação de uma nova Caixa dágua para o sistema de abastecimento na comunidade Divina Providência II, zona rural de Codó. nesta quarta-feira (9) o parlamentar voltou a comunidade para verificar e fiscalizar a instalação da nova cisterna.

“Só temos a agradecer de coração o Vereador Dr. José Mendes, que se reuniu com a gente, prometeu que ia levar essa demanda ao prefeito e agora está aqui cumprindo a promessa. Ele se prontificou, disse que ia correr atrás para conseguir essa cisterna pra nós e agora estamos realizando e ainda vamos conseguir a conclusão do poço, com a tubulação para o nosso abastecimento”, agradeceu um morador.

Um dos moradores mais antigos da comunidade, Senhor Florentino, também agradeceu a iniciativa do Vereador. “Depois da reunião com o vereador o nosso pedido foi atendido e estamos muito felizes. Que Deus abençoe a ele, por ser uma pessoa interessada em resolver os problemas da população, que se preocupa com o próximo e faça o bem para nossa comunidade. Que Deus nos abençoe”.

“Foi um compromisso firmado com essa comunidade e seus moradores. E estamos felizes em poder realizar. É meu trabalho e minha missão como vereador levar as demandas das comunidades até o poder público e fiscalizar quando as benfeitorias forem colocadas a disposição de nosso povo, da zona urbana e zona rural. E me sinto muito gratificado por isso. e muito em breve o encanamento e o sistema de abastecimento serão concluídos para que possam cuidar das suas plantações”, concluiu o vereador Dr. José Mendes.

Mical Damasceno descarta apoio a Weverton Rocha e afirma que PTB trabalha com nome de Edivaldo Holanda Júnior

A presidente estadual do PTB, Mical Damasceno, descartou nesta quarta-feira (9), qualquer possibilidade do partido apoiar a pré-candidatura de Weverton Rocha (PDT), como vem sendo divulgado por pessoas alinhadas ao projeto do pedetista. De acordo com a deputada estadual, “o PTB não vai mais com partidos contrário ao presidente Bolsonaro”, portanto “não procede” a informação que exista um dialogo entre os petebistas e o senador.

Mical Damasceno ainda reiterou que o projeto do PTB é lançar o ex-prefeito de São Luís, Edivaldo Holanda Júnior, como candidato a governador. A deputada estadual já foi até Brasília conversar com o presidente nacional Roberto Jefferson para viabilizar a candidatura própria do partido no estado.

Além de Mical, outro presidente de partido no Maranhão também negou dialogo envolvendo um possível apoio partidário a Weverton Rocha, assim como tinha sido divulgado. O deputado federal Edilázio Júnior negou que o PSD queira apoiar o senador maranhense e que o partido também tem a ambição de uma candidatura própria. Informação esta divulgada pelo blog Atual7.

Partidos aliados

Weverton Rocha vem propagando que já conta com o apoio do PDT, DEM, Cidadania, PSL, Republicanos e PSB, porém o PSB deve mudar de lado em breve, uma vez que o mandato de Luciano Leitoa como presidente do diretório estadual encerra em julho de 2021 e a sigla deve passar a ser comandada por aliados de Flávio Dino que tem preferência pelo nome de Carlos Brandão.

Já o Republicanos e PSL são partidos que orbitam no entorno do presidente de Jair Bolsonaro e podem ter seus rumos completamente modificados de acordo com os interesses da direção nacional.

Diego Emir