“Em meio à pandemia, o DETRAN gastou quase R$ 700 mil só em diárias para comissionados e outros ”, denuncia deputado Wellington

O deputado estadual Wellington do Curso voltou a expor, nesta sexta-feira (30), mais uma imoralidade cometida no Departamento Estadual de Trânsito no Maranhão (Detran/MA). Dessa vez, trata-se da intitulada “farra de diárias”, comprovadas por informações disponíveis no Portal Transparência, que atestam o total de R$ 696 mil em diárias distribuídas desde 2020 até o presente momento.

Ao expor as informações, o deputado Wellington chamou a atenção para o fato de que, durante o ano de 2020, a maior parte das atividades foi desenvolvida à distância, em virtude da pandemia, inexistindo motivos aparentes para a concessão das diárias.

“Estamos aqui com informações, retiradas do Portal Transparência , que atestam que, de 2020 para cá, o Detran gastou R$ 696 mil só em diárias. Não faz sentido ter a concessão de diárias, se em 2020, as atividades, em sua maioria, foram desempenhadas à distância. Em meio a pandemia, o Detran gastou quase R$ 700 mil em diárias para comissionados e outros. Diária pra quem? Por quê? Já oficiei o presidente do Detran para que justifique tais gastos”, disse o deputado Wellington.

As informações apresentadas pelo deputado Wellington foram retiradas do Portal Transparência e demonstram que, em 2020, o Detran gastou R$ 375 mil em diárias e, no primeiro semestre de 2021, R$ 321 mil.

Ascom