Natalino Salgado, após mais de 40 anos de serviços, aposenta-se como docente da UFMA

Ele segue reitor, com mandato até 2023

Natural de Cururupu-MA, Natalino Salgado Filho, após concluir a educação elementar, transferiu-se para São Luís para cursar o ginasial e o científico no Colégio de São Luiz. Em 1973, graduou-se em Medicina pela Universidade Federal do Maranhão. Fez residência em Clínica Médica na Universidade Federal do Rio de Janeiro e em Nefrologia na Universidade Estadual do Rio de Janeiro (Hospital Pedro Ernesto).

Em 1975, ingressou no Instituto Nacional de Assistência Médica da Previdência Social, atualmente incorporado ao Ministério da Saúde. Em 1978, fundou o Serviço de Nefrologia do Estado do Maranhão, sendo o responsável por trazer para São Luís o primeiro rim artificial e realizar o primeiro procedimento de hemodiálise do Estado do Maranhão. Já no ano de 1980, fundou a primeira Residência Médica no Estado do Maranhão.

Concluiu o mestrado em 1987 e o doutorado em 1994, ambos em Medicina – Nefrologia pela Universidade Federal de São Paulo. Especializou-se em Clínica Médica, Nefrologia, Didática de Nível Superior, Imunologia e Capacitação Gerencial de Dirigentes Hospitalares durante a carreira.

Tornou-se, em 2015, professor titular do departamento de Medicina do Centro de Ciências Biológicas da Saúde e atua como docente de diversos Programas de Pós-graduação na Universidade Federal do Maranhão, como os Programas de Ciências da Saúde e Saúde do Adulto e da Criança.

Foi o fundador e primeiro presidente da Sociedade Maranhense de Nefrologia e membro do departamento de Nefrologia Clínica da Sociedade Brasileira de Nefrologia, vice-presidente da Sociedade Brasileira de Nefrologia no biênio 2007-2008. Em 1989, presidiu o Conselho de Cogestão do Hospital do Instituto de Presidência do Estado do Maranhão – IPEM. Foi presidente da Comissão de implantação do Hospital Universitário, em 1990/1991.

Com a criação do Hospital Universitário da UFMA, integrou o Conselho Administrativo do Hospital (1990-1994) e chefiou o Serviço de Nefrologia (1991-2010). Foi Diretor Geral do Hospital Universitário no período de 1997 a 2007 e sagrou-se eleito Reitor da Universidade Federal do Maranhão, para 2 mandatos consecutivos, de 2007 a 2015, sendo reeleito para o terceiro mandato que iniciou em outubro de 2019 e finaliza em 2023.

Com 48 anos de serviço público e enquadramento funcional de professor titular do Departamento de Medicina, no dia 28 de junho de 2021, o docente Natalino Salgado Filho deu entrada no seu processo de aposentadoria. Deixa um legado de trajetória em prol da ciência, publicando mais de 400 trabalhos em revistas especializadas e em anais de congressos nacionais e internacionais, das inovações no campo da nefrologia, da luta pela criação do hospital universitário, do fortalecimento da pós-graduação e da formação de milhares de novos médicos que passaram pelos bancos e laboratórios da universidade. Ele publica semanalmente artigos em jornais e possui diversas condecorações e títulos honoríficos.

O Professor Natalino é membro da Academia Maranhense de Medicina e do Instituto Histórico-Geográfico Maranhense. Também é Membro das Sociedades: Brasileira de Hipertensão Arterial, Brasileira de Nefrologia (SBN), International Society of Nephrology (ISN), American Society of Nephrology (ASN), Brasileira de História da Medicina, Maranhense de Ciências, Letras, Instituto Histórico e Geográfico do Maranhão (IHGMA) e SOBRAMES. Além disso, é Membro do Comitê de Ligas Estudantis de apoio à Nefrologia; Editor de Seção/Nefrologia e Epidemiologia Clínica do Brazilian Journal of Nephrology. É Chefe do Serviço de Nefrologia do HUUFMA e Coordenador do Projeto PREVRENAL. Dedica-se, em Nefrologia, aos temas da Hipertensão Arterial e Doença Renal Crônica.

Como professor, segundo a legislação vigente, Natalino Salgado pode pedir sua aposentadoria de docente por tantos serviços prestados à sociedade no ensino, na pesquisa e na extensão. Já como gestor, é garantida a permanência no cargo de Reitor mesmo após a aposentadoria do seu cargo efetivo (docente).

O reitor Natalino Salgado tem muito a empreender em diversas ações com as quais se comprometeu, durante sua campanha, em junho de 2019, quando abraçou o movimento Pacto pela UFMA. Ele assumiu o compromisso de lutar pela ampliação, na universidade, da transparência, da inovação, da integração de todos os câmpus, da estruturação das unidades, da pós-graduação, da assistência estudantil, da extensão, dos cursos de graduação, da educação a distância e de tantas outras áreas, fundamentais para a dinâmica institucional, cujo mandato irá até 2023.

O professor, que também é reitor da UFMA, concedeu nesta quarta-feira, 21, na Rádio Universidade FM (106,9), uma entrevista especial para explicar como funciona, na prática, o pedido de aposentadoria do docente que difere da de gestor e reviver sua história de quatro décadas em prol da educação superior, na condição de docente, na UFMA.

Ascom UFMA