Mais de cem respiradores chegam ao Maranhão para pacientes com coronavírus

Uma carga de 107 respiradores chegou ao aeroporto de São Luís na noite desta terça-feira (14) para serem usados por pacientes com coronavírus no Estado. Outros 80 aparelhos ainda vão ser enviados ao Maranhão nos próximos dias.  

Todos eles foram comprados por meio de doações feitas por empresas, numa iniciativa da Secretaria de Indústria e Comércio (Seinc), do Governo do Estado. 

Os respiradores foram comprados na China. A união de esforços entre as empresas e o poder público foi fundamental para conseguir esses aparelhos, que estão sendo disputados de modo acirrado em todo o mundo. 

Os equipamentos serão instalados na rede pública estadual de saúde, que está passando por ampliações no número de leitos para atender os pacientes. 

“Os equipamentos são indispensáveis no cuidado dos pacientes com síndrome respiratória. Que sejam bênção e restaurem a saúde de muitos”, disse o secretário de Estado da Saúde, Carlos Lula.

Máscaras

Além dos respiradores, as doações das empresas permitiram a compra de 200 mil máscaras, que chegarão junto com os 80 aparelhos que ainda faltam. 

“Todo o Estado agradece o ato de solidariedade dessas empresas”, diz o secretário Simplício Araújo, titular da Seinc. 

O secretário e diversos empresários já movimentaram a arrecadação de mais de R$ 10 milhões em doações para a saúde do Maranhão, desde que foi anunciada a chegada do novo coronavírus no país. 

Além dos respiradores e das máscaras, a Seinc está recebendo doações de termômetros, álcool 70 e em gel, testes rápidos e serviços gratuitos a profissionais de saúde locais.

 

Agência de Notícias